RETALHOS – Irmãos de guerra

Ao fim de 33 anos, e depois de várias tentativas, consegui juntar seis antigos combatentes pára-quedistas e companheiros de várias jornadas em especial as vividas em teatro de guerra na então província ultramarina, hoje Republica Popular de Angola.
Unidos pelo espírito de sã camaradagem e autênticos irmãos da guerra como tantos outros que conheci e que gostava e tudo farei por reaver. Tal como Simon Wiesenthal, o sobrevivente do Holocausto, que
dedicou a sua vida a trazer perante a justiça criminosos nazis, vamos desenvolver todos os esforços para juntar estes homens que nas agruras da guerra, souberam cultivar a amizade e a fraternidade.
Para registo aqui ficam os nomes da primeira meia dúzia ( José Marques, Cerqueira Ramos,Tino Martins, José Lima, Jorge Viana (ausente) e Fiúza Casimiro

Anúncios
Explore posts in the same categories: ... da Guerra

4 comentários em “RETALHOS – Irmãos de guerra”


  1. subiu para oito os IRMÃOS DA GUERRA em Angola localizados até este momento: José Marques, Diamantino Martins, Fiúza Casimiro, Jorge Viana, Calçada Lima, Cerqueira Ramos, António Alves e Manuel Cunha.

  2. Mara Says:

    tenho acompanhado seus postes sobre
    sua vida ao serviço de nosso Pais,,
    tem sido uma grande caminhada de
    recordaçoes,,,,e simplesmente maravilhoso
    partilha-las com todos os amigos aki …..
    obrigado por partilhar conosco……
    continuaçao de uma semana xeia der saude,paz
    alegria,e munto amor,assim como todos os ke lhe sao
    keridos,,,,um beijo com carinho desta amiga virtual
    *************mara****************

  3. Silvia Says:

    Tenho lido seus textos e gostado muito
    de conhecer mais da historia
    Beijos

  4. bravomike Says:

    Hoje 17Jan e entrando casualmente num stand da Citroen na Av Infante Santo em Lisboa:
    O funcionário ali em serviço, cumprimenta-me simulando uma continência militar:
    Tavares Sousa, condutor páraqª nos anos 85/86 em Tancos.
    Sinal da «marca», aliás dois sinais:
    Mostra-me o brevet que o acompanha na sua pasta de trabalho.
    Reporta-me ter adqirido um exemplar da edição do relógio dos 50 anos das Tropas Pára-quedistas (edição de 1500 relógios da União Portuguesa de Pára-quedistas.
    BMonteiro


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: