RETALHOS – Que o diabo leve a guerra III

…/…

É sempre aterrador o rebentamento de uma mina, muito mais tratando-se de uma anti-pessoal, (armas destinadas a mutilar ou ferir, por vezes matar, as suas vítimas). Para os militares, a finalidade da mina é ferir, mais do que matar. Matando, apenas retira uma pessoa do campo de batalha, ao passo que, se ferir, vários militares estarão envolvidas na evacuação e tratamento das vítimas. Serve também para desmoralizar os soldados que vêem os seus camaradas a sofrer e a serem amputados. Muitos deles nunca mais serão os mesmos homens.
Após alguns momentos de silêncio, lá seguimos em frente, com cuidados redobrados. Apesar de percebermos que o rebentamento não fora ali perto, caminhávamos atentos ao que pudesse surgir.
Os dias foram passando. Fizeram-se alguns aprisionamentos de militares “inimigos”. Estes quando se sentiam acossados escondiam-se em grutas ou casas abandonadas. A tropa pára-quedista batia toda a zona e possíveis locais de esconderijo e rapidamente os desalojava e prendia.
Ao fim de seis dias, já exaustos e sem mantimentos, chegámos ao topo mais alto da montanha. Aqui, era o ponto de reunião de toda a tropa terminando o treino no terreno. Descomprimimos toda a carga stressante. O frio era intenso, mas ao calor das fogueiras que nos permitiram acender, relatámos as peripécias que surgiram ao longo desta jornada.

…/…

Anúncios
Explore posts in the same categories: ... da Guerra

2 comentários em “RETALHOS – Que o diabo leve a guerra III”

  1. Barroca Monteiro Says:

    Minas militares – uma constatação:

    Pese um esforço mundial entre os Estados para serem proibidas, deixarem de ser utilizadas em combate, quem mais do que o guia da democracia universal para ser um dos poucos a não aceitar subscrever o tratado?

    Os actuais USA / EUA, pois claro!

    Cumprimentos

    Caro JM – a nossa volta pelo norte ficou limitada ao Bouro/Geres. Fica para a próxima, Viana do Castelo.

  2. ivone Says:

    OLÁ MEU QURIDO, AMIGO qt tempo eimmmm, agradeço mt tuas visista ao meu simples spaces e as palavras lindas tbm, e quero diser q; n me considero anjo n ,
    faço o possível mas estou bm loge de ser , qt a Ti sei que deves saber mt sobre isso pois pelo que vivestes , tenho certeza que fostes anjo, qd ajudastes teus amigos em horas difiseis como descreves ,em teus emocionantes e comoventes retálios . Me transporto para os locais e situações que descreves quando leio teus retálios gosto mt . parbéns , desejo á ti e família fica com Deus sempre beijinhoss ivone


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: