Homem coragem, um caso humano

O Capitão Pára-quedista britânico, veterano de guerra assume com assinalável coragem, o que aliás é apanágio de um militar de elite, que vai mudar de sexo.

O capitão Ian Hamilton de 42 anos é um daqueles militares musculados determinados e corajosos, que eu também me habituei a admirar quando militei nas tropas pára-quedistas portuguesas em finais dos anos 60.

Eu servi o meu país em Angola e ele, o dele no Afeganistão na Bósnia e no Iraque. Até aqui tivemos percursos algo semelhantes vivendo situações de guerra e portanto nos limites das nossas capacidades enquanto homens e seres humanos.

Mas o suposto paralelismo termina aqui, pois o Ian, por quem eu nutro um enorme respeito, decidiu ao fim deste tempo que se achava melhor no papel de um ser humano, mas desta vez do sexo feminino. Isso não faz dele uma pessoa menos respeitável, muito pelo contrário.

Depois de tanto sofrimento interior e que sempre ocultou desde o seu tempo de escola em que foi sexualmente abusado por um professor e mesmo mais tarde tenha tentado o suicídio. Esteve mesmo casado alguns anos, mas não tendo filhos, confessando agora. “Eu fingia e ela nem sonhava”. A carreira militar, escolhei-a para manter as aparências.

Há três meses que se veste como mulher. Jan, como agora se chama, continua a viver com a sua ex-namorada, mas como amigas ou irmãs. Toda esta mudança já iniciada era concluída com a operação.

 

 

getimage1.jpg

O capitão Ian Hamilton é agora Jan (na foto), concretizando um sonho antigo. Desde sempre se sentiu mulher, o que o fez sofrer. Iniciado o processo de transformação, só falta a decisiva operação

 

Anúncios
Explore posts in the same categories: ... da Guerra

5 comentários em “Homem coragem, um caso humano”

  1. Manuela Magalhães Says:

    Fiquei arrepiada!!!
    Grande coragem a deste homem, que agora se sente melhor na pele do sexo oposto…
    Apenas lhe desejo muita SAÚDE, pois o resto… como costumo dizer… vem com a SORTE.

    bjs


  2. Oi, Zé.

    Em primeiro lugar fico muito feliz em poder votar a ver o que você escreve. Sempre gostei de fazer isso, e estava sentindo falta dos seus textos. Êsse particularmente conta uma história de alguém que de fato teve a coragem de revelar-se como é na sua essência, coisa que muitas vezes não conseguimos fazer, mesmo em pequenas atitudes, que nos exigem romper com preconceitos e valores já preestabelecidos, e que se analisarmos com mais cuidado, na sua maioria não nos servem para nada, a não ser para nos impedir de sermos plenos e felizes.

    Parabéns para você e para o Capitão Jan.

    Beijos

    Gwen


  3. Excente post!
    Este homem (devemos dizer “mulher”), não se sente desde agora melhor como mulher. Ele sempre se sentiu mulher! Assim é a transexualidade!
    Convido os leitores do teu blogue a visionarem o vídeo, muito elucidativo e educativo, acerca desta temática, que disponibilizo no meu blogue. Lá, caso pretendam, podem fazer download ou simplesmente ver.
    Eis o endereço do post relativo à transexualidade http://paulovasco.multiply.com/video/item/311

    O conhecimento impõe-se!
    Ninguém tem o direito de provocar tão grande sofrimento em quem nasceu diferente, não aceitando seus órgãos sexuais e caracteres sexuais secundários.

    1 abraço do Paulo

  4. Silvia Says:

    Olá Meu Amigo

    Gostei do texto e como diz acima Paulo Vascos este homem sempre foi mulher e fico feliz que esteja a assumir sua verdadeira identidade, devemos ser akilo que somos de verdade

    Aproeveito para desejar a vc e sua familia uma Pascoa de muito amor, muita paz, muita saude, muita inspiração para continuar a nos brindar com textos maravilhosos e claro muito chocolate que ninguem é de ferro

    Beijos, apareça

  5. V. Graça Says:

    Acho que de facto é preciso ter coragem para assumir que se é homosexual, porque embora as pessoas digam que são muito pra frente a maioria ainda olha de lado estas pessoas, que afinal não pediram para ser assim.
    Ainda há muita gente que gosta rotular estas pessoas, ou melhor estes seres humanos como tu muito bem disseste, com palavras muitos duras.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: